SCARPETTA FACTOR – Patrícia Cornwell – série Kay Scarpetta 17

Publicado: 28 de janeiro de 2012 em Patricia Cornwell
Tags:, , , ,

Editora: Putnam´s Sons

“We owe respect to the living.  To the dead we owe only truth.” – Voltaire (Devemos respeito aos vivos.  Aos mortos devemos, somente, a verdade)

O romance policial de número 17, da série Scarpetta, reúne todos os nossos velhos conhecidos personagens, em Nova Yorque.  Por mais de 20 anos, seus livros nos tem trazido o melhor do thriller contemporâneo.  E quando se trata de ciências forenses, ninguém consegue competir com ela.  Marino está trabalhando para a polícia, Benton Wesley está casado com Kay e trabalhando como psicólogo forense no Hospital Bellevue, e Lucy continua o gênio da computação, relacionando-se com a promotora Berger.

Na semana antes do Natal, Scarpetta participa de um programa de televisão, para o qual é convidada a falar sobre a importância dos fios de cabelo como prova forense (com o advento do DNA), mas onde é questionada, na verdade, o tempo todo, sobre a vítima Hannah Starr, bela bilionária, executiva financeira, desaparecida desde o Dia de Ação de Graças e presumidamente morta, com quem Lucy parece ter dividido um passado sombrio.

Durante o programa ao vivo, uma ex-paciente psiquiátrica de Benton, tenta entrar em contato com ela.  Após o progrma, Kay recebe uma encomenda que parece ser uma bomba de efeito líquido, esperando na portaria do prédio em que mora com Benton.  A súbita fama da patologista, gera a sensação de que ela possui uma habilidade mítica (factor) para solucionar os casos em que está envolvida.

Mas este livro também mostra uma Dra. Scarpetta bem humana, mulher e apaixonada.

“Serenity comes from knowing what you can and can´t change.  And what you can´t change, Pete, is that you´ve wasted at least twenty percent of your waking hours for the better part of half a century.”

A trama inclui um ator famoso acusado de crime sexual.  E traz de volta os fantasmas da suposta mort de benton, na época da investigação da família Chandonne e seu filho deformado, Jean-Baptiste (leia A última delegacia e Mosca varejeira, da mesma autora).  Ele é portador de hypertrichosis – crescimento exagerado de pelos em partes do coporto onde, normalmente, não cresceriam, como a testa, além dos dentes como os dos grandes primatas. – como um aprendiz de lobisomem.

Impressionante quanto se pode aprender a partir do simbolismo de uma simples fonte de digitação em computação.  – pesquise a fonte GOTHAM e suas relações com o atual Presidente dos EUA, Barak Obama.

É interessante que esse livro contenha tanta informação tecnológica, quando sabemos que a escritora Patrícia Cornwell pede ajuda a seus seguidores do Twitter, para incluir emoticons em suas mensagens.  Kay investiga fotos no Facebook e como seu alter-ego, Patricia se utiliza de Pete Marino, que mal consegue inserir símbolos, espaços ou até palavras completas, nas mensagens de seu BlackBerry.  Aparelho, aliás, igualmente dado a todos, por Lucy, no intuito de controlá-los através de seu GPS.

“I didn´t realize you considered Wikipedia a reliable source.” –Benton Wesley

Devo confessar que, desta vez, o livro custou a engrenar, para mim – somente vindo a acontecer aos últimos 5 minutos do segundo tempo.  E que revelação!  Além disso, o livro termina numa grande ceia comandada pela agora chef du cuisine Kay Scarpetta.  A forma com que Patrícia Cornwell descreve os pratos, nos faz salivar…

Não me canso de olhar a sobrecapa de minha edição hardcover (em capadura), com uma bela foto da escritora – realmente, sou uma Scarpetta addicted (viciada nos livros protagonizados pela Kay Scarpetta), sem salvação.

Entrevista de Patrícia Cornwell, sobre o livro – atenção para o comentário dela, logo no início, sobre os seriados de polícia forense, em televisão, com o qual, eu concordo:

Patricia Cornwell

Patricia Cornwell, nascida Patricia Carroll Daniels é uma escritora norte-americana de romances policiais. É conhecida por escrever a popular série de romances que estrelam a heroína Dr. Kay Scarpetta, uma médica forense, que tenta resolver crimes através da autópsia (ou seria necrópsia?) dos corpos das vítimas.  Traduzida em 36 línguas, em mais de 5o países, fundou o Instituto de Ciência e Medicina Forense da Virgínia.  Em 2008 ganhou o prêmio Galaxy British Book Award pelo Thriller do ano.  Além do Gold Dagger Award em 1993.  Sua personagem, Kay Scarpetta, ganhou o prêmio Sherlock 1999, por ser a melhor detetive criada por uma escritora americana.

Recomendo a leitura na ordem de lançamento, abaixo, pois as estórias, embora diferentes, têm como pano de fundo, a vida de Kay e de seus familiares e amigos. Se não seguir a ordem, você vai ficar meio perdido – vá por mim.
Post-morten – 1990
Corpo de delito – 1991
Restos mortais – 1992
Desumano e degradante – 2000
Lavoura de corpos – 1994
Cemitério dos indigentes – 1995
Causa mortis – 1996
Contágio criminoso – 1997
Foco inicial – 1998
Alerta negro – 1999
A última delegacia – 2000
Mosca varejeira – 2003
Vestígio – 2004
Predador – 2005
Livro dos Mortos – 2007
Scarpetta – 2008 – ainda não lançado no Brasil
Scarpetta Factor – 2009 – ainda não lançado no Brasil
Port Mortuary – 2010 – acabou de sair nos EUA

Outras resenhas de livros de Patricia Cornwell, aqui no House of Thrillers:  https://houseofthrillers.wordpress.com/category/patricia-cornwell/

Acompanhe Patricia Cornwell: http://www.patriciacornwell.com/

Twitter @1pcornwell http://twitter.com/#!/1pcornwell

Facebook http://www.facebook.com/patricia.cornwell

Grupos de discussão sobre a escritora, no portal Skoob: http://www.skoob.com.br/grupo/757-livros-da-patricia-cornwell  e   http://www.skoob.com.br/grupo/261-loucos-por-medicas-legistas

Artigos:

A Note From Patricia Cornwell – 28 de agosto de 2010 http://www.facebook.com/?ref=home#!/note.php?note_id=155689464444647

A Greeting From Patricia Cornwell – 24 de dezembro de 2010 http://www.facebook.com/?ref=home#!/note.php?note_id=187306007949659 – Dear Lilia, You have been chosen to receive a special surprise from the Patricia Cornwell fan page if you would kindly message back with a mailing address.  Thank you very much.   Hi Lilia, The gift should come soon. We just started mailing them out. The first step was to collect addresses, get organized and begin mailing. Please keep in touch if you do not get it within the next week or two let us know!  Thanks for your patience.  “Enjoy your hat Lilia!”– e eu, Lili  Machado, recebi meu Scarpetta´s gear, em fevereiro, como seguidora da página da escritora, no Facebook, na semana de meu aniversário – era um boné do livro: Unnatural Exposure – amei!

Links para conversas da escritora Patricia Cornwell, com a autora do blog, Lili Machado:

http://www.facebook.com/permalink.php?story_fbid=152967078069734&id=142427202457055

Perfis dos personagens de Patricia Cornwell, no Facebook:

A protagonista Kay Scarpetta: http://www.facebook.com/profile.php?id=100002052746341

Seu eterno namorado, o agente do FBI, Benton Wesley: http://www.facebook.com/profile.php?id=100002110834358

Seu parceiro e amigo, o Capitão Pete Marino: http://www.facebook.com/profile.php?id=100002092321336

Sua sobrinha gênio em informática, Lucy Farinelli: http://www.facebook.com/lucy.farinelli

A filha de Benton, Michelle Wesley: http://www.facebook.com/profile.php?id=100002121033088

A vilã Carrie Grechen – http://www.facebook.com/profile.php?id=100001488324767

O vilão Temple Gault: http://www.facebook.com/profile.php?id=100002285278329&ref=ts#!/profile.php?id=100002285278329&sk=wall

 

Anúncios

Deixe seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s