Arquivo de fevereiro, 2012


Editora: Record

Lembra do Dr. Hannibal Lecter? Um cavalheiro…, um gênio…, um canibal.

Sete anos se passaram desde que o Dr. Lecter escapou da prisão.  E por 7 anos ele tem estado livre para saborear os aromas e gostos de um mundo sem algemas.

Mas… alguns intrusos surgem em seu mundo, perseguindo sua nova identidade, sentindo o mal que o cerca.

Para um multimilionário, para um policial italiano corrupto, e para a agente do FBI Clarice Satrling, que já esteve frente a frente com Lecter e que nunca mais foi a mesma… – a caçada começou.

Todos, cada um a seu tempo e local, querem encontrar o Dr. Lecter  E todos vão conseguir o que querem.  Mas somente um viverá o bastante para saborear a recompensa…

Na trilogia de Thomas Harris, o primeiro livro: O Dragão vermelho (resenha no blog: https://houseofthrillers.wordpress.com/2012/03/24/o-dragao-vermelho-red-dragon-thomas-harris-serie-hannibal-lecter-2/), filmado como Manhunter, Hannibal ajuda o FBI a capturar um fascinante serial killer.

No segundo livro: O silêncio dos inocentes (resenha no blog: https://houseofthrillers.wordpress.com/2011/02/12/o-silencio-dos-inocentes-thomas-harris/), ele serve de consultor para a agente do FBI, Clarice Sterling, e acaba por realizar uma fuga brilhante, apesar de sangrenta.

Anos depois, fazendo-se passar pelo acadêmico Dr. Fell, curador de arte, Hannibal vive uma vida de prazers em Florença, sem matar quase ninguém… só uns poucos para não perder o hábito e não chamar atenção.

A agente do FBI Clarice Sterling não tem a mesma sorte: ela sobrevive a um tiroteio mas é suspensa por comportamento policial truculento.  É quando ela recebe uma carta de Lecter. (mais…)


Editora: Record

Conheça Hannibal Lecter pela primeira vez.

No campo do thriller psicológico, Thomas Harris se destaca.

Explorando a natureza maligna do homem e a anatomia da investigação forense, Thomas Harris libera uma visão do lado escuro do mundo iluminado.

Nesta estória extraordinária que precede O silêncio dos inocentes (resenha Skoob: http://www.skoob.com.br/estante/livro/686758 e resenha no blog: https://houseofthrillers.wordpress.com/2011/02/12/o-silencio-dos-inocentes-thomas-harris/), Harris apresenta o inesquecível personagem do psiquiatra, Dr. Hannibal Lecter, deitado em sua cela, com um dicionário de culinária aberto em seu peito.

          Também, neste livro, é apresentado Will Graham, o ex-agente do FBI hipersensitivo, que caça Lecter e quase é morto por ele – pondo sua sanidade mental e sua vida em risco, combatendo um assassino chamado Dragão Vermelho.

          Porém, medo não é o que move Will – já é bem assustador ter de conviver com a mente doentia de Lecter, para conseguir pistas que o levem ao assassino que vem matando famílias inteiras.

(mais…)


JOGADA_MORTAL_1328833166PDROP_SHOT_1356144845PComo todos da série Myron Bolitar, este livro é lento e entediante – o que se salva é o relacionamento da dupla Myron/Win.

Myron Bolitar, o protagonista desta série, é um ex-astro do basquete americano da NBA, que fez carreira a partir do time da universidade.

Após atingir o ápice de sua carreira, um acidente durante um jogo o tirou dos campos para sempre. Fraturas múltiplas, cadeira de rodas, muletas, bengala, um andar arrastado…

Após uma breve passagem como agente do FBI, hoje, apesar de formado em Direito, Myron é um empresário de jovens atletas em ascenção – o que o faz ter de se meter em suas vidas – às vezes, fundo demais.

O sarcasmo em pessoa, cínico, mas apaixonado pelo que faz, com um coração mole, dá sempre um toque de leveza nas partes mais tensas da trama, rindo de seus inimigos com piadas inteligentes e deixando-os desconcentrados, com incoerentes citações de escritores e teatrólogos famosos – Shakespeare é seu preferido.

            A série onde o protagonista é o agente esportivo viciado em achocolatados, Myron Bolitar, se inicia com o livro “Quebra de confiança” (Deal breaker).

           Neste segundo livro da série, uma jovem tenista é assassinada a sangue frio.

Quando Myron Bolitar investiga o crime, sempre ajudado por seu fiel escudeiro, o milionário aristocrático Win Lockwood (Windsor Horne Lockwood III), e por sua sócia (e ex-lutadora de luta livre) Esperanza, ele descobre uma conexão com um crime de seis anos atrás, ocorrido em um clube privê. Um atleta agenciado por ele pode estar envolvido no crime, ou ter algum conhecimento sobre o caso.

Um Senador, uma mãe ciumenta e a máfia completam o cenário que pode fazer com que Myron corra um grande perigo.

Entretanto…

… o mistério da trama é quase nulo e a identidade do assassino é evidente muito antes do final do livro.  O policial Rolly Dimonte, retratado no livro, é estúpido e teimoso e a namorada de Myron, é intensamente odiada por Esperanza e pela mãe de Bolitar.

Como todos da série Myron Bolitar, este livro é lento e entediante – o que se salva é o relacionamento da dupla Myron/Win.

Os 10 livros da série Myron Bolitar:

Quebra de Confiança

Quebra de Confiança

Book 1: Deal Breaker (Quebra de confiança – resenha no blog: https://houseofthrillers.wordpress.com/2012/02/17/quebra-de-confianca-deal-breaker-harlan-coben-serie-myron-bolitar-1/ ).

Book 2: Drop Shot (Jogada mortal – é a atual resenha)

Sem deixar rastros

Sem deixar rastros

Book 3: Fade Away (Sem deixar rastros – é a próxima resenha – logo a seguir)

Book 4: Back Spin (O preço da vitória – resenha em breve)

Book 5: One False Move

Book 6: The Final Detail

Book 7: Darkest Fear

Book 8: Promise Me

Quando ela se foi

Quando ela se foi

Book 9: Long Lost (Quando ela se foi – resenha no blog: https://houseofthrillers.wordpress.com/2012/02/11/quando-ela-se-foi-harlan-coben-serie-myron-bolitar/ )

Live wire

Live wire

Book 10: Live Wire (resenha no blog: https://houseofthrillers.wordpress.com/2012/05/12/live-wire-harlan-coben-serie-myron-bolitar/ )

 

 

 

 

Vídeo em que Harlan Coben fala sobre o protagonista da série, Myron Bolitar:

Harlan Coben

Harlan Coben é autor de mais de 15 livros e vencedor de vários prêmios – sendo o únic escritor a ganhar o Shamus, o Anthony e o Edgar Allan Poe. Aclamados pela crítica, seus últimos lançamentos chegaram ao topo das listas de mais vendidos, dos principais veículos de comunicação do mundo. Os livros de Coben já foram traduzidos para mais de 20 idiomas. Atualmente o autor vive com a mulher e os quatro filhos, em Nova Jersey.  Aclamado na França como “o mestre das noites em claro”.Site: http://www.harlancoben.comFacebook: http://www.facebook.com/media/set/?set=a.1403961430909.2053515.1588575676#!/harlan.coben / http://www.facebook.com/harlancobenbooks?ref=ts&sk=wallTwitter:@HarlanCoben – http://twitter.com/#!/HarlanCoben

Grupo de discussão no Skoob, sobre o autor: http://www.skoob.com.br/grupo/572-harlan-coben


Editora:|Record

Após ver o filme, ao ler o livro novamente, posso ver Jodie Foster como Clarice Starling e ouvir a voz de Anthony Hopkins, quando Hannibal Lecter fala.

o canibal Hannibal Lecter na prisão

Clarice Starling é aspirante da academia do FBI, estudante da Divisão de Ciências do Comportamento.  Ela recebe a incumbência de entrevistar o Dr. Hannibal Lecter (O Canibal), que está preso numa cela de alta segurança, para conseguir sua ajuda na captura de um serial killer, de codinome Buffalo Bill.  O Dr. Lecter, com sua loucura apaixonante, parece ser a última chance de resolver o caso sem aumentar o número de mortes.Hannibal Lecter é um vilão super inteligente e tem participação especial na trama, mesmo sem ser, exatamente, o protagonista, Jame Gumb, cujas ações acontecem como pano de fundo.

É Clarice que cresce como personagem, à medida que se torna mais ligada a Lecter.  Ela vai apresentando brilhantes insights na procura do assassino Buffalo Bill.

Os dois (Clarice e Lecter) possuem algum poder nas mãos e cada um almeja alguma coisa preciosa do outro.  Lecter quer sua liberdade e a companhia de Clarice, enquanto Clarice precisa prender Bill antes dele matar e retirar a pele de outra mulher, desta vez, a filha de um senador norte-americano.  Ele se acredita uma espécie de travesti e está montando um vestido de pele humana. (mais…)


Editora: Arqueiro

Prefiro os thrillers de Harlan Coben mais cerebrais.

Myron Bolitar, o protagonista deste livro e desta série que se inicia, é um ex-astro do basquete americano que fez carreira a partir do time da universidade.  Após atingir o ápice de sua carreira, um acidente durante um jogo o tirou dos campos para sempre.  Fraturas múltiplas, cadeira de rodas, muletas, bengala, um andar arrastado…

Hoje é um agente promotor e empresário de jovens atletas em ascenção – o que o faz ter de se meter em suas vidas – às vezes, fundo demais.

O sarcasmo em pessoa, cínico, mas apaixonado pelo que faz, com um coração mole, dá sempre um toque de leveza nas partes mais tensas da trama, rindo de seus inimigos com piadas inteligentes e deixando-os desconcentrados, com incoerentes citações de escritores e teatrólogos famosos – Shakespeare é seu preferido.

E o agente Myron (ele detesta seu nome) está, no momento, às voltas com o promissor atleta Christian Steele, com quem está negociando um contrato, que recebe uma ligação telefônica de sua ex-namorada Kathy (irmã da ex-esposa de Myron, a escritora Jessica Culver) – uma mulher presumivelmente morta, em caso encerrado pela polícia. (mais…)