A casa do penhasco (Peril at End House) – Agatha Christie – um caso de Hercule Poirot

Publicado: 17 de novembro de 2012 em Agatha Christie
Tags:,

Editora: Nova Fronteira

Poderá Poirot descobrir quem quer Magdala morta, antes que o futuro assassino encontre seu alvo?

De férias na praia de St. Loo, na costa da Cornualha, Hercule Poirot fica assustado ao ouvir a bela Magdala (Nick) Buckley descrever seu recente encontro com a morte.

Primeiro, numa subida traiçoeira da estrada, os freios de seu carro falharam.  Depois, um quadro caiu e quase a amassou em sua cama.

Portanto, quando Poirot encontra um buraco de bala no chapéu de praia de Nick, ele decide que essa garota precisa de sua ajuda.

Poirot e o coronel Hastings retornam neste thriller, em que, logo após esses “acidentes”, uma morte realmente acontece.  Entretanto, a vítima não é Nick, e sim, um primo dela.

Poirot tem de evitar que novas mortes aconteçam.

Enquanto isso, Nick escapa de uma tentativa de envenenamento.

Na confusão, entram Frederica Rice e o Comandante Challenger, além de um casal misterioso da Austrália, que vive num bangalô e que estão, possivelmente, envolvidos com tráfico de drogas.

Poirot, então, decide que a única forma de enganar o assassino é fingir a morte de Nick.  O resultado é surpreendente e fascinante.

Agatha Christie sempre jogou limpo com seus leitores: as pistas estão sempre presentes e ela não se pega em venenos desconhecidos da ciência da época.  Porém, agora vai uma crítica: apesar de Poirot dizer que a explicação mais simples seria a melhor explicação, a explanação ao final não é tão simples assim.  Foi tão complexa que tal série de eventos nunca poderia ter convergido para produzir o resultado apresentado por Dame Agatha.

Trecho do filme para a televisão, sobre o livro, estrelando David Suchet, como Hercule Poirot:

Agatha Christie

Nascida Agatha Mary Clarissa Miller, em 15 de setembro de 1890, Agatha May Clarissa Mallowan, adotou o sobrenome de seu primeiro marido, Archibald Christie, e é conhecida pelo mundo como a Rainha do Crime.  Nasceu em Devon, na Inglaterra, filha de pais cultos e inteligentes.  Cursou uma “escola para moças” em Paris e durante a 1ª Guerra Mundial, foi voluntária na Cruz Vermelha.

Ela é a autora mais publicada de todos os tempos em qualquer idioma, somente ultrapassada pela Bíblia e por Shakespeare. Agatha é a autora de oitenta romances policiais e coleções de pequenas histórias, dezenove peças e seis romances escritos sob o nome de Mary Westmacott. Foi pioneira ao fazer com que os desfechos de seus livros fossem extremamente impressionantes e inesperados, sendo praticamente impossível ao leitor descobrir quem é o assassino. 

Outras resenhas de livros de Agatha Christie, aqui no House of Thrillers: https://houseofthrillers.wordpress.com/category/agatha-christie/

Acompanhe a escritora: http://www.agathachristie.com

Responda no comentário:

Qual o livro da Agatha Christie que você mais gosta?

Anúncios

Deixe seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s