Assassinato na casa do Pastor (The Murder at the Vicarage) – Agatha Christie – um caso de Miss Marple

Publicado: 1 de dezembro de 2012 em Agatha Christie
Tags:,

Editora: Record

O primeiro mistério de Miss Marple – o que testa todos os seus poderes de observação e dedução.

“Qualquer um que matasse o Coronel Protheroe”, declarou o pastor, com a faca numa fatia de rosbife, “estaria fazendo um favor ao mundo!”.  Essa foi uma frase infeliz, vinda de um homem religioso, e que o assombraria, em algumas horas – quando o tal coronel foi encontrado assassinado na sala do vigário.

Essa morte parece impossível.  Ninguém ouviu o tiro, ninguém viu alguém entrar na sala. A empregada o deixou entrar apenas 15 minutos antes do corpo ser descoberto.

Porém, como Miss Marple logo descobre, toda a cidade parecia ter um motivo para matar o detestável Coronel Protheroe – sua esposa infeliz, sua filha, um artista visitante, a Sra. Lestrange, um arqueólogo, uma secretária, e o próprio vigário.

Agatha Christie foi a primeira escritora a ensinar duas coisas: que a trama de mistério é uma arte; e que uma mulher detetive pode ser um personagem mais forte do que um detetive homem.

Miss Marple, uma amante de jardinagem e da observação de pássaros; e uma habilidade enorme de achar similaridades entre as situações presentes e passadas e seus personagens, vive numa cidadezinha no interior da Inglaterra: St. Mary Mead.

Vamos voltar várias vezes aqui e nos encontrar com essas pessoas novamente, nos próximos livros da escritora. 

Parte 1 da série de televisão sobre o livro:

watch?v=xGrazdsCw6Q

A amiga e Skoober Vânia, também resenhou o livro, em 10/03/2009 – Aulas de observação.  Miss Marple sempre diz que quando uma pessoa lembra outra é porque a primeira vai agir de forma parecida. Portanto, prepare-se. Passei a observar isso de perto, e não é que a danada estava certa? Parei de me surpreender com as pessoas.

Agatha Christie

Nascida Agatha Mary Clarissa Miller, em 15 de setembro de 1890, Agatha May Clarissa Mallowan, adotou o sobrenome de seu primeiro marido, Archibald Christie, e é conhecida pelo mundo como a Rainha do Crime.  Nasceu em Devon, na Inglaterra, filha de pais cultos e inteligentes.  Cursou uma “escola para moças” em Paris e durante a 1ª Guerra Mundial, foi voluntária na Cruz Vermelha.

Ela é a autora mais publicada de todos os tempos em qualquer idioma, somente ultrapassada pela Bíblia e por Shakespeare. Agatha é a autora de oitenta romances policiais e coleções de pequenas histórias, dezenove peças e seis romances escritos sob o nome de Mary Westmacott. Foi pioneira ao fazer com que os desfechos de seus livros fossem extremamente impressionantes e inesperados, sendo praticamente impossível ao leitor descobrir quem é o assassino. 

Outras resenhas de livros de Agatha Christie, aqui no House of Thrillers: https://houseofthrillers.wordpress.com/category/agatha-christie/

Acompanhe a escritora: http://www.agathachristie.com

Responda no comentário:

Qual o livro da Agatha Christie que você mais gosta?

Anúncios

Deixe seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s