THE DOOMSDAY KEY – James Rollins – série Força Sigma 6

Publicado: 2 de março de 2013 em James Rollins
Tags:, , , , ,

Editora:Harper Collins 

Sigma Force

Tem horas que me sinto numa montanha-russa desgovernada, quando leio um livro de James Rollins

O 6o livro da série Sigma, de James Rollins oferece, tanto conhecimentos científicos, quanto lições de história antiga.

A trama central corre em torno de uma praga do passado e do futuro: a fome… e a explosão demográfica mundial.

Um ataque brutal em uma fazenda experimental na África Ocidental, uma explosão fatal no Vaticano, e o assassinato misterioso de um professor da Universidade de Princeton, em Nova Jersey, estão todos ligados por uma coisa em comum: um símbolo celta antigo marcado na cabeça das três vítimas.

Quem irá decidir quem poderá viver ou morrer?

Que você faria para salvar o mundo?

Quem será o vilão e quem será o herói?”

O diretor da Força Sigma, Painter Crowe reune sua equipe usual: o comandante Gray Pierce, Monk Kokkalis, Joe Kowalsky, a policial Rachel Verona – para descobrir por que uma fazenda experimental na África foi atacada e dizimada, incluindo a morte do filho de um senador norte-americano.  E ainda temos Seichan como bônus! – esta com a oportunidade de grande crescimento como personagem, neste livro.

Somos, também apresentados ao professor Wallace Boyle – que vê o mundo através de curiosos óculos coloridos, podendo descobrir maravilhas nos lugares e assuntos mais improváveis.

O futuro da humanidade – sempre assim – pode depender de uma estranha substância (a chave do fim do mundo) levada, séculos atrás, à Inglaterra, por antigos egípcios que detinham o conhecimento de um novo e poderoso remédio.

O texto envolve manipulação genética, lindas traidoras, artefatos arqueológicos, câmaras subterrâneas, perseguições de motocicleta, manuscritos de iluminuras, abelhas assassinas, triângulos amorosos, o túmulo de Merlin, ursos polares, ursos de pelúcia, Peter Rabbit, uma triskle pagã, cavaleiros templários, princesas egípcias, cruzes celtas, Avalon, espirais, peat bogs, cogumelos, druidas, madonas negras, santos, profecias, papas, maldições, o countryside inglês, maçãs e milagres, e a maçonaria…

James Rollins mistura isso tudo, à medida que a Força Sigma percorre as profundezas do Vaticano e as fronteira da Noruega, em direção ao confronto explosivo, com as forças sombrias do mal, conhecidas como: A Guilda.

Em Roma, a tenente Rachel Verona contata a Sigma quando o seu tio, Vigor Verona, é gravemente ferido em uma explosão na Basílica de São Pedro. Essa mesma explosão mata o Padre Marco Giovanni, um arqueólogo que tinha vindo ver Vigor por razões desconhecidas. Investigando a explosão, Rachel localiza um misterioso artefato escondido por Giovanni: um dedo mumificado.

Depois de uma perseguição furiosa através do Coliseu romano, a equipe reconstitui os passos do Padre Giovanni, que estava estudando o mito e a história da “Virgem Negra”, particularmente no que se refere à interseção do paganismo e do cristianismo primitivo.

Suas investigações também tocavam em uma misteriosa praga sugerida no Doomsday Book, bem como a lendas espalhadas de maldições e poções de cura ligadas à Madona Negra.

O Doomsday Book, foi um levantamento abrangente realizado na Inglaterra e País de Gales, no século 11, por ordem de William, o Conquistador, a fim de avaliar a riqueza (terras, gado, e assim por diante) do reino para efeitos fiscais. Ele se tornou conhecido como o “Livro do Juízo Final”. Ele agora se encontra no Arquivo Nacional de Londres e é considerado uma peça histórica inestimável, proporcionando uma visão incrivelmente detalhada da vida na Inglaterra do século 11.  Como observado pelo Padre Giovanni, certas regiões são listados no livro como “desperdiçadas”. Supõe-se que a maioria dessas áreas tenha sido simplesmente devastadas por guerras.

A trilha de Giovanni leva-os a partir de ruínas neolíticas no Lake District da Inglaterra, onde a turfa preserva centenárias de múmias infestadas com um fungo assassino, até Bardsey Gales Island, que dizem ser o lugar do descanso final de Merlin, o Mago.  Há inclusive uma cripta escondida que aponta para a “chave” da cura de uma arma biológica há muito esquecida, empregada pelos antigos druidas.

Enquanto isso, entre as vítimas da África estava o biólogo Jason Gorman, filho de um poderoso senador dos Estados Unidos. Jason e seus colegas da África vinham desenvolvendo uma nova variedade de milho geneticamente modificado, quando foram atacados. Antes de morrer, Jason enviou os dados da pesquisa confidencial ao Dr. Henry Malloy, seu antigo professor na Universidade de Princeton, que é brutalmente assassinado antes de Monk Kokkalis e o agente novato John Creed possam entrevistá-lo.

A batalha pela posse da chave da cura para, converge em Clairvaux, na França, em uma prisão de segurança máxima que já foi uma abadia medieval. O complexo todo desaba, e uma tumba escondida é encontrada.

Enquanto isso, Monk está de volta em ação após estar afastado durante um ano. Na verdade, nem Painter, nem Kat estão convencidos de que Monk está pronto para voltar a campo depois de sua experiência traumática na Rússia em O último oráculo (resenha no blog: https://houseofthrillers.wordpress.com/2013/03/02/the-last-oracle-james-rollins-serie-forca-sigma ).

Gray encontra-se na posição pouco invejável de ter que trabalhar ao lado das duas mulheres em sua vida, Rachel e Seichan, com resultados quase fatais para uma delas.

A Viatus International, é uma grande corporação de biotecnologia dirigida por Ivar Karlsen, um empresário visionário norueguês. Ivar Karlsen pertence ao Clube de Roma, uma rede internacional de cientistas, economistas, empresários, altos funcionários e chefes de Estado. O grupo foi fundado em 1968 em uma casa em Roma.

O Clube de Roma é melhor conhecido por estudos recentes: uma previsão global para os próximos quarenta anos adverte que a humanidade não pode sobreviver, a menos que encontre maneiras de tanto reduzir o seu consumo e desenvolver abordagens de longo alcance para a resolução de problemas, de forma a lutar por um futuro mais sustentável. Mais informações em ser encontradas no site oficial do clube: www.clubofrome.org.

O Svalbard Seed Vault está enterrado em uma caverna subterrânea na ilha norueguesa de Spitsbergen, a menos de setecentas milhas do Pólo Norte.  Tem sido descrito como a última rede de segurança para a diversidade biológica do planeta, armazenando amostras de sementes de todo o mundo. Ele foi projetado para preservar e proteger as sementes, não importa o que aconteça no resto do mundo: guerras, tumultos, desastres naturais, hecatombes nucleares, mudanças climáticas e até ao impacto de um asteróide errante. O cofre é constituído de três câmaras subterrâneas, mantidos a -18 C (0 F), com uma capacidade máxima de 4,5 milhões de sementes. Sementes para as culturas alimentares têm prioridade.

The Vault começou a operar em 2008. Novas sementes continuam a chegar ao cofre, incluindo amostras recentes de Portugal, Costa Rica, Peru, Zâmbia, Azerbaijão, Síria e Colombia. 740.000 espécies já foram catalogadas e preservadas – 3/4 de todas as plantas que existem na Terra.

As futuras gerações agradecem.

Tem horas que me sinto numa montanha-russa desgovernada, quando leio um livro dele. – James Rollins, you rock my world!

Os que estão acompanhando a série, terão uma questão para incomodá-los até o próximo livro – The devil colony (recém-lançado e do qual eu já sou uma feliz possuidora).  Lembrando que a leitura da série deve ser feita na ordem certa, para melhor entendimento da estória dos personagens, suas carreiras, seus romances, amores e ódios.

vídeo em que James Rollins fala deste livro:

vídeo de James Rollins sobre peat bogs e o o Homem de Tollund, descrito em The Doomsday Key, atualmente no Silkeborg Museum, na Dinamarca:

Tenho necessidade de expressar a minha admiração pelo escritor.  Aventureiro (alpinista, espeleólogo e mergulhador) por hobby, faz um belíssimo trabalho de pesquisa histórica, científica e política, a cada volume de suas obras literárias. Nascido em Chicago, James é um graduado da Universidade de Missouri em Columbia, em 1985, com um doutorado (DVM) em medicina veterinária. Seu trabalho de graduação é focado em biologia evolutiva. Posteriormente, mudou-se para Sacramento, Califórnia, onde exerce a sua profissão como um médico veterinário.

Outras resenhas de livros de James Rollins, aqui no House of Thrillers:  https://houseofthrillers.wordpress.com/category/james-rollins/

Acompanhe o escritor James Rollins: http://www.jamesrollins.com/ Para os interessados – ele responde às mensagens que enviamos – pelo menos, as minhas, tem respondido sempre.

Twitter: @james rollins http://twitter.com/#!/jamesrollins

Grupo de discussão sobre a Força Sigma, no portal Skoob: http://www.skoob.com.br/grupo/100-forca-sigma

Conversa entre a autora do blog, Lili Machado e o escritor James Rollins, no Twitter:

“Please tell me what is the real first one, that was not published here.” – Lili Machado
 “If you are referring to the Sigma series: SandStorm is the prequel to Sigma and Map of Bones is the first of the series.” – James Rollins, em 15 de agosto de 2010
Elogio ao blog House of Thrillers:  That is a great looking blog! I like the background graphic. Nice job too.” – James Rollins, em 2 de maio de 2011
Anúncios

Deixe seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s