Corrente sanguínea (Bloodstream ) – Tess Gerritsen

Publicado: 23 de março de 2013 em Tess Gerritsen
Tags:

511RH1JBzQL__BO2,204,203,200_PIsitb-sticker-arrow-click,TopRight,35,-76_AA300_SH20_OU01_Editora: Record

É apenas o começo de uma cadeia de ataques violentos e letais, entre os adolescentes de Tranquility…

             Em Bloodstream, assim como em seus thrillers médicos anteriores, uma médica dedicada luta para desvendar as raízes de um violento mistério, antes que este destrua tudo que ela mais ama.

Às margens do Lago Locust, na bucólica cidade de Tranquility, no Maine, a Dra. Claire Elliot tenta abrigar seu filho adolescente, Noah, dos perigos da cidade grande e das lembranças tristes da morte de seu pai.

Mas, juntamente com o inverno, como uma ironia, chegam verdades chocantes que distoam de seus planos: um jovem paciente seu comete um ato de violência aterrador: a professora de biologia da escola local recebe um tiro fatal.

E, como Claire e toda a cidade, logo descobre, é apenas o começo de uma cadeia de ataques violentos e letais, entre os adolescentes de Tranquility, contrariando seu próprio nome.

À medida que a onda de comportamentos violentos se alastra, Claire descobre um terrível segredo: esta não é a primeira vez que isso acontece.  Esses acontecimentos são cíclicos na cidade, e podem ter causas sobrenaturais.

Claire suspeita, então, de que há uma causa biológica para a epidemia.  E ela teme que o belo lago possa esconder um perigo incidioso.  Serão os cogumelos azuis da floresta, ou a misteriosa fosforecência verde do lago, os culpados pela doença dos jovens?

Noah logo se torna incontrolável e perigoso, como os outros.

Enquanto ela luta para salvar a cidade – e seu filho – dessa dor, Claire descobre uma outra ameaça: uma conspiração para manipular a natureza e transformar inocentes em feras.

Claire luta, também, para conseguir um lugar nos corações de seus vizinhos e poder firmar sua carreira na cidade.  Para tanto, também, um romance com o delegado local, Lincoln Kelly, parece adequado.

Tess Gerritsen nunca falha em matéria de tintas fortes – as cenas de hospital dão uma total credibilidade, impossível de se ignorar.

Mas…

… Já leram alguma coisa parecida?  Não se preocupem – leram sim …

O enredo desse livro é muito parecido com Harvest e Life Support, também de Tess.  As protagonistas são talentosas e dedicadas médicas que descobrem uma forma maligna que está controlando a saúde dos pacientes.

HARVEST_1262887021PLIFE_SUPPORT_1268382821PEm Harvest, Life Support (resenhas no blog: https://houseofthrillers.wordpress.com/2013/01/26/vida-assistida-life-support-tess-gerritsen/?preview=true e https://houseofthrillers.wordpress.com/2013/01/05/harvest-tess-gerritsen/?preview=true), e Bloodstream, Tess Gerritsen injetou uma poderosa dose de  adrenalina nos thrillers médicos de Michael Chrichton e Robin Cook.  Mas, esses livros que antecederam o lançamento de minha dupla de detetive/médicalegista favorita, Rizzoli&Isles, possuem, basicamente, os mesmos elementos.

Ao ler Bloodstream, o leitor fica com uma sensação de déjà vu…

Eu amo Tess Gerritsen de paixão… porém, na série Rizzoli&Isles.

Bom, pelo menos estes são melhores que os romances de banca do início de sua carreira, que parecem até que foram escritos por outra pessoa, como Chamada a meia-noite (resenha no blog: https://houseofthrillers.wordpress.com/2012/10/13/call-after-midnight-tess-gerritsen/ ), que chega a ser ridículo.

Tess Gerritsen

Tess Gerritsen teve uma carreira de escritora, fora do normal.  Formada pela Stanford University, Tess fez Medicina na University of California, San Francisco.  Depois que teve seu filho, deixou a medicina e começou a escrever ficção.  Em 1987, sua primeira obra, “Call After Midnight”, foi publicada como romance policial.   O primeiro thriller médico, “Harvest”, 1996, foi sua estréia na lista dos mais vendidos do New York Times. Desde então: Life Support (1997), Bloodstream (1998), Gravity (1999), The Surgeon (2001), The Apprentice (2002), The Sinner (2003), Body Double (2004), Vanish (2005), The Mephisto Club (2006), The Bone Garden (2007), The Keepsake (2008), e Ice Cold (2010).   Seus livros já foram traduzidos para 37 línguas, e mais de 20 milhões de cópias foram vendidas, em todo o mundo.

Sua série de thrillers em que as protagonistas são a detetive da Delegacia de Homicídios Jane Rizzoli e a patologista Dra. Maura Isles, inspirou o seriado da televisão no canal TNT, “Rizzoli & Isles”estrelado por Angie Harmon e Sasha Alexander.

Outras resenhas de livros de Tess Gerritsen, aqui no House of Thrillers:   https://houseofthrillers.wordpress.com/category/tess-gerritsen/

Acompanhe a escritora Tess Gerritsen: www.tessgerritsen.com

Twitter @tessgerritsen http://twitter.com/#!/tessgerritsen

Facebook http://www.facebook.com/pages/Tess-Gerritsen/113330598685893

Grupos de discussão sobre a autora, no portal Skoob: http://www.skoob.com.br/grupo/872-tess-gerritsen e   http://www.skoob.com.br/grupo/261-loucos-por-medicas-legistas

Artigos:

Characters have childhoods, too. November 2, 2010

From Romance to Corpses: http://www.facebook.com/note.php?note_id=198953846810363 – Tess Gerritsen´s writing life – April 17, 2011

I´m no Angelina http://www.facebook.com/note.php?note_id=198766416829106 April 18, 2011

Anúncios

Deixe seu comentário!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s