Arquivo da categoria ‘Edgar Allan Poe’


Editora: Ediouro

                        Podemos dizer que é o thriller eterno, sem o qual, muitos livros de suspense não teriam existido, incluindo os de Arthur Conan Doyle e Agatha Christie.

            Estão vendo aquele homem nas sombras?  Ele amava seu gato.  Ele o amava até a morte…

Este homem simplesmente perdeu o senso de humor e sua loucura e raiva crescentes, tornam seu gato preto, a desafortunada vítima.

Mas este não é o fim da estória de um alcoólatra.  Ouçam os miados do gato preto…

Detalhe: o próprio Poe era alcoólatra.

Quanto aos Crimes da Rua Morgue, com o Detetive Dupin, podemos dizer que é o thriller eterno, sem o qual, muitos livros de suspense não teriam existido, incluindo os de Arthur Conan Doyle e Agatha Christie.

Dupin foi criado por uma família rica, que ficou pobre e que vive numa mansão gótica, cheia de livros.  Mas sua mente é afiada, baseada no processo lógico do raciocíneo – as pequenas células cinzentas de Poirot.

Neste crime, Dupin desvenda um mistério bizarro, em que um apartamento é encontrado quase destruído, porém nada foi roubado.

Uma senhora é encontrada degolada e sua filha é achada dentro de uma chaminé, de cabeça para baixo, com tufos de cabelo faltando.

Nenhum motivo… nenhum suspeito…

A polícia está perplexa, mas Dupin, não. (mais…)

Anúncios