Posts com Tag ‘Sara Linton’


TRIPTICO_1343283269PTRIPTYCH_1282503958PEu me peguei diversas vezes, intrigada, pensando no que cada uma das tramas secundárias levaria – está estória é bastante intrincada – mais este é o seu charme.

Dos bairros mais ricos de Atlanta, aos conjuntos residenciais mais pobres da cidade, um assassino tem deixado suas marcas, cortando a lingua de suas vítimas, sem razão aparente.
Entre os que estão procurando por ele, vemos o veterano detetive Michael Ormewood, que tem um filho deficient mental e cujo casamento está na corda bamba – e cuja arrogância e temperamento explosivo, ameaçam sua carreira.
Também podemos conhecer Angie Polaski, uma bela policial que já foi amante de Michael antes de tornar-se sua inimiga.
Somos apresentados, também, a Will Trent, investigador do estado da Geórgia, que mantém um relacionamento longo e complicado com Angie Polaski, que conheceu num orfanato, enquanto esconde de todos, seus problemas com a dyslexia e os demônios de seu passado.
Mas, além deles, surge um novo personagem: John Shelley, um ex-presidiário que se depara com os rastros do assassino, através de uma coincidência – e que pode ser a chave principal para a solução dos crimes.
Shelley foi condenado aos 15 anos de idade, pelo estupro seguido de morte, de uma namorada de infância – passou o pão que o diabo amassou na penitenciária, por mais de 20 anos e acaba de sair na condicional por bom comportamento.
Tríptico (Triptych) acelera a tensão, revelação por revelação, na direção de um clímax de tirar o fôlego.

Mais um thriller psicológico fantástico, com diversos níveis de informações, de uma de minhas escritoras de romances policiais favoritas: Karin Slaughter (resenhas de seus livros no blog: https://houseofthrillers.wordpress.com/category/karin-slaughter/).
Eu me peguei diversas vezes, intrigada, pensando no que cada uma das tramas secundárias levaria – está estória é bastante intrincada – mais este é o seu charme.

Karin Slaughter

Karin Slaughter

Karin Slaughter já lançou 5 livros da série Grant County (resenhas no blog: https://houseofthrillers.wordpress.com/?s=grant+county), sob a perspectiva da legista Sara Linton, seu ex-marido e delegado Jeffrey Tolliver; e da policial atormentada Lena Adams: Blindsighted Cega), Kisscut, A faint cold fear (Um frio na espinha), Indelible, Faithless e Beyond reach (que não li ainda – resenhas em breve).
Tríptico (Triptych) é o primeiro livro da nova série: Atlanta.
O próximo será Fractured.
Em seguida, Karin Slaughter reune as duas séries, fazendo com que Will Trent trabalhe com Sara Linton, em: Undone, Broken, Fallen, Criminal, e o recente Unseen.

Booktrailer:

 

Anúncios

Editora: Harpertorch

“Karin Slaughter is a fearless writer.  She takes us to the deep, dark places other novelistas don´t dare to go.” – Tess Gerritsen

 Neste livro 4 da série Grant County, a doublê de pediatra/legista Sara Linton e o delegado Jeffrey Tolliver ainda estão separados – mas doidinhos para alguma coisa acontecer para ficarem juntos novamente.

A policial Lena Adams está morando da casa de Nan, a companheira de sua falecida irmã Sibyl, assassinada no primeiro livro da série, Cega (resenha no blog: https://houseofthrillers.wordpress.com/2011/07/23/cega-blindsighted-%e2%80%93-karin-slaughter-%e2%80%93-serie-grant-county-1/), parece em bons termos com seu tio Hank.

Mas como não se emenda, continua se encontrando com o Ethan – o estudante aprendiz de valentão, que conheceu em Frio na Espinha (A faint cold Fear) – (resenha no blog: https://houseofthrillers.wordpress.com/2011/09/03/frio-na-espinha-a-faint-cold-fear-%e2%80%93-tess-gerritsen-%e2%80%93-serie-grant-county-3/) e continua apanhando dele, apesar de, em serviço, ser mais durona que seus companheiros homens.

Só que, desta vez, ela está grávida…. (mais…)


Editora: Record

Para quem já leu os outros livros da série Grant County, – esse não vai ser diferente dos anteriores!

Neste 3o livro da série Grant County, Karin Slaughter nos oferece, novamente, as aventuras e desventuras de uma doublê de pediatra e médica legista, Sara Linton.

A estória narrada neste livro começa com um passeio de duas irmãs, para tomar um sorvete – mas não se engane: para quem já leu os outros livros da série Grant County, esse não vai ser diferente dos anteriores!

Chamada para investigar o aparente suicídio de um estudante da universidade do condado (um mostruário de piercings), ao levar em sua companhia, sua irmã Tessa, grávida de 8 meses, Sara concorre para que ela seja atacada brutalmente e perca o bebê.

Uma Sara desesperada, então, tem d (mais…)


Editora:Harpertorch

Vire as páginas para entrar no mundo escuro e distorcido de Karin Slaughter – assim inicia o nosso livro de hoje – e é o melhor resumo que posso oferecer sobre a autora.

A Dra. Sara Linton, dublê de pediatra e médica legista da cidade de Heartsdale, no condado da Geórgia, sabe muito bem sobre os horrores que podem ser encontrados a portas fechadas, numa comunidade pequena.  Mas quando uma briga entre adolescentes leva à morte de um deles e a autópsia que se segue revela a evidência de auto-mutilação ritualística e de constantes abusos sexuais, ela descobre que o verdadeiro mal está mais perto do que imagina.

Auxiliada por seu ex-marido, o delegado Jeffrey Tolliver (com quem está mantendo um novo relacionamento), e pela detetive Lena Adams, ainda traumatizada pelo ataque que sofreu por parte de um serial killer, a investigação é frustrada pelo silêncio da família e amigos da menina vítima do tiro.  (mais…)


Editora: Record

Um romance de estréia estonteante.

Uma pacata cidadezinha no condado de Grant, na Geórgia, entra em pânico quando uma jovem professora universitária, cega e homossexual é encontrada morta em um restaurante – violentamente estuprada e esfaqueada em formato de cruz. O ponto central da incisão, servindo de local para a penetração do estupro – uma das cenas de crime mais impressionantes e cruéis, de minha vida de leitora de thrillers.

A professora Sibyl era irmã gêmea da detetive Selena Adams (Lena / Lee), que, mais tarde, também se torna vítima do serial killer.  O relacionamento de Lena com Nan Thomas, a companheira de Sibyl, e com seu tio Hank, ex-drogado e culpado pelo acidente que causou a cegueira da irmã, chegam a níveis insuportáveis após essa morte.

A médica pediátrica do local, dublê de médica legista, Sara Linton, que esconde um segredo terrível de seu passado, realiza a autópsia; e o chefe de polícia Jeffrey Tolliver, ex-marido de Sara, de quem ela está separada por motivo de adultério, está à frente da investigação. (mais…)